terça-feira, 23 de agosto de 2011

disfarces

mais que simples histería
conselhos baratos enfatizados
de algum modo as vozes calam
acalmando olhos gananciosos teus
nada perde-se em vão
em prol do sofrimento
deixo escapar palavras fúteis
esquecimento descarado
prende calmamente
poucas horas confortos
mordem raiva entre os dentes
aplicações moldáveis argila
enegrecidamente amarelados
julgamos os promenores estragos
pouco a pouco entorpecidos
inalamos fumaça
ressabiados em pequenos disfarces
não muito restante
segundos após a anestesia
acostume-se com a posição
será dificil mais daqui em frente

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget