quinta-feira, 4 de agosto de 2011

escrevendo

falando sozinho
tagarelar infundado
vagando ao abismo cinza
matéria orgânica
processo de decomposição
somos eu
sou
cada vez parado mais
perco tempo bastante
para sonhar novamente
falo sozinho
sentidos apurados
penso sozinho
sozinho a impressão
de que só tenho
o que escrevo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget