quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

qualquer forma de esforço

ainda restou um sorriso amarelado
nada mais
o melhor que faríamos
arrancar os dentes
e não morrer de amores pela boca

melhor o silêncio
do que qualquer forma de esforço

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget